Atogramas, zeptogramas e ioctogramas

De acordo com esta notícia no NewScientist.com, existem já hoje disposítivos sensíveis ao zeptograma (10-21 g), o que significa que se está muito próximo da detecção da massa de uma simples molécula. Anteriormente, em 2000, já tinha sido conseguida a detecção da massa de um agregado de átomos de ouro da ordem do atograma (10-18 g). O próximo objectivo é medir massas da ordem do ioctograma (10-24 g), o que será um passo gigantesco, significando a detecção de massas próximas da do átomo de hidrogénio. O artigo é muito interessante, vale a pena ler, assim como este publicado no PhysOrg. (Obrigado, Pedro)